Notícias

Evento dos 150 Anos do Registro de Imóveis tem Sessão de Autógrafos do Livro Comemorativo à História da Instituição e da Urbanização da Capital Gaúcha

Convidados do evento receberam cópia do livro “Do Manuscrito ao Registro Eletrônico: 150 anos do Registro de Imóveis de Porto Alegre” e prestigiraram autores da obra

Dentro das comemorações dos 150 anos do Registro de Imóveis da 1ª Zona de Porto Alegre, o mais antigo da capital gaúcha e do Rio Grande do Sul, que ocorreram no último sábado (4), no Palácio da Justiça do RS, foi lançado o livro “Do Manuscrito ao Registro Eletrônico: 150 anos do Registro de Imóveis de Porto Alegre”. Durante o evento foi realizada a entrega do livro para os convidados presentes e sessão de autógrafos concedida pelo presidente do Instituto de Registro Imobiliário do Brasil e registrador de imóveis da Primeira Zona de Porto Alegre, João Pedro Lamana Paiva, a arquiteta e organizadora da obra, Juliana Erpen, o historiador Sérgio da Costa Franco e o arquiteto Günther Weimer.

O evento, que contou com a participação de diversas autoridades, também serviu para inaugurar a mostra realizada pelo Memorial do Judiciário do Rio Grande do Sul em conjunto com o Registro da 1ª Zona da Capital sobre a importância do registro da propriedade no Brasil, que ocorre até o final do ano.

A obra apresenta em suas mais de 230 páginas a história da ocupação e da evolução urbana desde as primeiras frentes povoadoras de expansão rumo ao Rio Grande do Sul, no século XVIII; passando pela nomeação de Sinval Saldanha, genro de Borges de Medeiros, como Primeiro Oficial Registrador (cargo institucionalizado com o Código Civil de 1916), em 1921; e chegando, finalmente, ao sistema utilizado atualmente no Registro de Imóveis da 1ª Zona de Porto Alegre. Também são descritos os sistemas jurídicos desde o descobrimento do Brasil, em 1500, com forte influência das Ordenações do Reino de Portugal.

Além dos participantes da sessão de autógrafos, a edição comemorativa reúne textos de diversos especialistas e juristas como o presidente do TJ/RS, desembargador José Aquino Flôres de Camargo, o presidente do Instituto Histórico e Geográfico do RS, Miguel Frederico do Espírito Santo, o ex-corregedor Geral de Justiça e desembargador aposentado do TJ/RS, Décio Antônio Erpen, e o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati.

O exemplar não será comercializado, porém uma versão da obra em pdf estará disponível gratuitamente para download a partir do dia 6 de julho, no website registrodeimoveis1zona.com.br. A versão física do livro será distribuída entre diversas entidades de classe jurídica, cartorial, bibliotecas públicas e bibliotecas de faculdades de Direito do Rio Grande do Sul, entre outras, durante os meses de julho e agosto.

O projeto é uma realização do Ministério da Cultura e conta com patrocínio do Registro de Imóveis da 1ª Zona de Porto Alegre, do 2º Tabelionato de Protestos de Porto Alegre, do Serviço de Registros Públicos de Capão da Canoa e dos Registros Públicos de Sapucaia do Sul. A obra tem o apoio da Assembleia Legislativa do RS, Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul, Memorial do Judiciário do Rio Grande do Sul, Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, DIB & DIB, Eichenberg e Lobato Advogados Associados, MelnickEven e Uma Incorporadora.

Clique aqui e confira a Linha do Tempo – “O Desenvolvimento da Cidade e o Sesquicentenário da 1ª Zona de Registro de Imóveis de Porto Alegre”, que de forma ilustrativa ressalta as principais passagens de tempo no livro.

Fonte:

Andrey Santos – imprensa@bitconteudo.com.br
Telefones: (51) 3557-9222/9216-0553

Fotos:

07072015_Evento150anos1RI_SessaoAutografosLivro_img001
07072015_Evento150anos1RI_SessaoAutografosLivro_img002
07072015_Evento150anos1RI_SessaoAutografosLivro_img003
07072015_Evento150anos1RI_SessaoAutografosLivro_img004
07072015_Evento150anos1RI_SessaoAutografosLivro_img005
Créditos das fotos: Tania Meinerz/Divulgação