Notícias

Padronização dos Serviços é Tema da Reunião do Comitê Gestor da Coordenação Nacional das Centrais Eletrônicas

Representantes das Centrais dos Estados de MA, MG, MT, PR, RS, SC, SP, TO e do Distrito Federal participaram do encontro, ontem, em Brasília/DF
O Comitê Gestor da Coordenação Nacional das Centrais de Serviços Eletrônicos Compartilhados reuniu-se ontem (5/9), em Brasília, para discutir uma longa pauta referente ao registro eletrônico de imóveis. Durante sete horas de trabalho, representantes das centrais que aderiram ao Portal de Integração dos Registradores de Imóveis Brasileiros – www.registradoresbr.org.br – debateram, entre outros temas, a interoperabilidade entre as plataformas e a padronização dos serviços oferecidos aos públicos público e privado.

A reunião foi coordenada pelo presidente do IRIB, João Pedro Lamana Paiva, que também preside o Comitê Gestor. Participaram representantes dos Estados do Maranhão (José Eduardo Moraes), Minas Gerais (Francisco José Rezende dos Santos e Claudio Barroso Ribeiro), Mato Grosso (Maria Aparecida Bianchin), Paraná (João Carlos Kloster), Santa Catarina (Adriano Lacerda e Denis Schoreder), São Paulo (Flaviano Galhardo e Paulo Leierer), Tocantins (Vadiram Cassimiro e Weberson Rocha) e do Distrito Federal (Luiz Gustavo Leão Ribeiro e Ranieri Ferreira). Também participou o secretário geral do IRIB, Frederico Jorge Figueiredo Assad.

“Como o Provimento nº 47 do CNJ previu a criação de centrais em cada estado, a comunicação entre as plataformas é o maior desafio da Coordenação Nacional. A interoperabilidade exige padrões que serão estabelecidos por meio de manual operacional, que já está em elaboração”, explicou o presidente do Comitê, João Pedro Lamana Paiva. Técnicos das centrais participam das reuniões auxiliando no trabalho de padronização.

A pauta da reunião incluiu, ainda, temas importantes como a situação atualizada do Sistema de Registro Eletrônico de Imóveis em todo o país; encaminhamento em meio eletrônico das garantias imobiliárias do crédito (hipoteca/alienação fiduciária), seja para aquisição, construção ou fomento; e ações para fomentar a entrada dos demais estados no SREI. Participaram como convidados da reunião representantes da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) e da Cetip.

Fonte: Assessoria de Comunicação do IRIB
Em 06.09.2016